"A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe." (Jean Piaget)

Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified Russian Portuguese
English French German Spain Italian Dutch

domingo, 14 de janeiro de 2018

ARRAIA XINGU






Um dos tesouros da Amazônia, a Potamotrygon leopoldi, também conhecida como "arraia negra", segundo o Prof. Dr. Marcos Brabo, da Universidade Federal do Pará - Campus de Bragança, é uma espécie de arraia de água doce que integra a ordem Myliobatiformes e a família Potamotrygonidae, sendo conhecida vulgarmente como arraia negra ou arraia Xingu. Esse peixe é endêmico da região hidrográfica do Xingu, com distribuição nos rios Xingu, Curuá, Iriri e Fresco no estado do Pará. Pode alcançar mais de um metro de comprimento total e pesar até 17 kg. A primeira maturação sexual ocorre quando os indivíduos apresentam entre 30 e 40 centímetros, tendo prole de 4 a 12 filhotes. Possui maior atividade no período noturno e hábito alimentar carnívoro, com preferência por invertebrados bentônicos. Seu corpo tem a região dorsal na cor preta com manchas brancas, inclusive na cauda, característica que lhe confere um relevante valor comercial no mercado da aquariofilia. A grande demanda por essa arraia fez com que a sua pesca passasse a ser controlada por órgãos ambientais, por meio do estabelecimento de cotas de captura. Porém, a maior ameaça para essa espécie é a degradação de seu habitat promovida pela construção de usinas hidrelétricas, expansão da exploração madeireira e crescimento desordenado da agropecuária. 
Então fiquemos alerta para que essa espécie não vire apenas uma exótica lembrança. Essas fotos foram feitas no aquário do Museu Emílio Goeldi - Belém - Pará - Brasil.


     

Um comentário:

  1. Parabéns pelo Blog e dedicação.
    O que precisamos é de boas informações e conhecimento.
    Paulo VILLAS-BÔAS.

    ResponderExcluir

COMPARTILHE

EDUCA TUBE

ONDE ESTÃO AS BALEIAS E OS GOLFINHOS?

Postagens populares

MEU CANAL

Loading...

LELA ORCA NAS REDES SOCIAIS

MAPA DOS SEGUIDORES DE LELA ORCA NO TWITTER

PAÍSES QUE ACESSAM DESDE 28/10/2011

free counters